Páginas de menu
TwitterFacebook

Postado em nov 9, 2018 | 0 comentários

As panteras do Capitão

Bolsonaro levou quatro mulheres para sua equipe de transição, um recorde, considerando o bodum de testosterona que exala o entorno do capitão. Três são militares, entre as quais uma índia. Nada de mulher quilombola, preta, trans ou LTBT+. Se calhar são evangélicas e acreditam em Adão, no Dilúvio e uma jura que Tupã é o pai do messias.

Compartilhar:

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *