Páginas de menu
TwitterFacebook

Postado em jul 10, 2019 | 0 comentários

Caveat emptor

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA estaria disposto a comparecer à câmara dos deputados para acompanhar a votação da reforma da Previdência. Revela mais uma vez o traço autoritário de desprezar a divisão de poderes. Cada qual no seu quadrado, os deputados não vão em massa ao Planalto para acompanhar as reuniões do ministério. Presidente da república em sessão deliberativa do Legislativo é intimidação, em Bolsonaro temperada pela cautela do comprador – o caveat empor dos romanos: liberou R$ 10 mi em emendas aos deputados e quer saber se estes entregam a mercadoria.

Compartilhar:

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *