A culpa é do Cabral

O MPF quer transferir o ex-governador Sérgio Cabral para prisão no Paraná. É que onde está, no Rio, tem privilégios e luxos incompatíveis com a condição de preso: home theater, dvds, comida especial.

Além disso estão com ele ex-auxiliares envolvidos nos mesmos esquemas de corrupção. Para o MPF isso se deve ao acobertamento da ‘alta cúpula’ da administração do Rio, governo e administração previdenciária.

No Paraná Cabral não teria essa moleza. Não que aqui as prisões sejam rígidas. É que ninguém da ‘alta cúpula’ paranaense até hoje foi preso, assim tipo Sérgio Cabral. Isso se algum dia vier a ser.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *