Desordem e atraso

Notícias vizinhas: 1) o governo federal chama 94 mil segurados para rever auxílios-doença e aposentadorias; 2) cada deputado federal custa R$ 2 milhões por ano ao contribuinte. Se fossem invertidas diríamos que o Brasil é justo. Não, mais fácil mudar o lema da bandeira para ‘desordem e atraso’.

Rever auxílio-doença e aposentadoria é chutar o segurado para a cova já aberta. Os deputados não só custam mais do que merecem como custam mais que R$ 2 milhões. Aí não estão computados o caixa dois e a comissão sobre as obras autorizadas pelas emendas que enfiam no orçamento.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *