Páginas de menu
TwitterFacebook

Postado em maio 22, 2020 | 0 comentários

Estrume, bosta, sinônimos

Por mim colocaria esses vagabundos todos na cadeia, começando pelo STF.

Palavras de Abraham Weintraub no vídeo da reunião ministerial entregue ao STF, cujos ministros ainda não estão na cadeia – a menos que o general Augusto Heleno mande prendê-los pela quebra da separação dos poderes. Weintraub pode perder o cargo como bode expiatório dos pecados do chefe, o presidente, que na mesma reunião chamou os governadores João Dória e Wilson Witzel de “bosta” e “estrume”.

A reunião transcorreu com o decoro e o recato apenas superado nos bacanais da decadência do império romano. De útil só a misteriosa distinção que Jair Bolsonaro faz entre os governadores de São Paulo e Rio. Consultamos Betty Shafransky, revisora do Insulto, sobrinha de Rüdiger Shafranski, o biógrafo de Martin Heidegger.

Betty explica: ” É jogada de sinônimos. Não podemos esquecer que na juventude o presidente, para melhorar o português, montava palavras cruzadas para o Estadão. Foi cacoete do especialista: ‘estrume’, cinco letras = ‘bosta’; ‘bosta’, sete letras = ‘estrume'”.

Compartilhar:

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *