Páginas de menu
TwitterFacebook

Postado em fev 28, 2018 | 0 comentários

Fedorentamente incorreto

SEU OLIVINO, gari aqui da rua, me chama de lado.

“Me explique uma coisa, o senhor que tem estudo: por que essas mulheres recolhem o cocô do cachorrinho em saco plástico, amarram bem o saco e jogam em cima da grama?”

“Lá no Sergipe, minha terra, a bosta fica na grama, endurece com o sol e vira adubo. O saco plástico entope o bueiro e até mata as baleias, como vi na televisão”.

Mudei de assunto, fiz cara de paisagem. Teria que confessar que a Mila faz na grama. E que considero fedorentamente incorreto o lance do saquinho.

Tenho jurisprudência: minha estirpe está fincada em São João do Triunfo, onde pisei em todo tipo de bosta, até do povo que usa saquinho plástico. E completamente descalço.

Compartilhar:

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *