Tudo a ver

O PROCESSO contra Gleisi Hoffmann andou no STF: o ministro Édson Fachin, relator, liberou-o para o revisor. Na reportagem do uol vem o trecho quando o advogado da senadora critica a denúncia do ministério público qualificando os argumentos de “meras conjecturas feitas às pressas”.

Só faltou dizer denúncia”feita nas coxas” (que não significa nada disso que vocês maliciosos estão pensando. Vem do tempo imemorial em que as telhas eram moldadas sobre as coxas; quando o trabalhador tinha uma perna mais curta ou uma coxa menos grossa, as telhas saíam tortas).

Mas o doutor causídico bem que podia nos esclarecer o que seriam “meras conjecturas feitas devagar”. Algum instrumento de sua caixa de ferramentas? Nem precisa, advogado quando escreve lembra a doceira que sempre procura dar mais um toque no enfeite do bolo.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *