Páginas de menu
TwitterFacebook

Postado em maio 15, 2019 | 0 comentários

Votaram a merda

A mudança constitucional produziu um jabuti, que não honra Ratinho Júnior, patrono da mudança: o atual governador será beneficiário da aposentadoria. Sem sentido, para não baixar o nível da crítica. A aposentadoria extinta é a de futuros ex-governadores. Acabou extinta para os futuros remotos e foi mantida para o futuro próximo, leia-se Ratinho Júnior. Um absurdo digno de legislativo do Nordeste.

A reforma gerou uma esperteza mesquinha, safadinha. Porque o governador atual será ex-governador – e portanto com “direito” (sic) a aposentadoria. Não é por ser governador neste momento que não possa ser atingido pela eliminação da aposentadoria. A assembleia inventou um fato jurídico inexistente, uma hipótese teratológica. Se a aposentadoria não vale para os futuros, não vale para o atual. Ponto final.

Compartilhar:

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *